Sexta, 12 de Julho de 2024

Covid: Empresário é condenado por fraude em comprovante de vacina

09/07/2024 as 18:23 | S. J. do Rio Preto | Da Redaçao
Um empresário de 46 anos foi condenado a dois anos de prestação de serviços à comunidade por fraudar o comprovante de vacinação contra a Covid-19 em São José do Rio Preto (SP). O caso aconteceu em janeiro de 2023 e a sentença foi proferida no dia 4 de julho deste ano. Cabe recurso.

O que o empresário fez?

O empresário apresentou comprovantes de vacinação falsos na Unidade Básica de Saúde (UBS) do bairro Vila Elvira para que ele e sua esposa pudessem viajar aos Estados Unidos. Ele solicitou que três doses fossem incluídas no sistema de registro junto ao Ministério da Saúde, mas os servidores da UBS desconfiaram e investigaram a situação.

Investigação e provas da fraude:

A investigação da Secretaria de Saúde revelou que:

A UBS Santo Antônio, onde as primeiras e segundas doses teriam sido aplicadas, estava fechada nos meses indicados nos comprovantes.
As profissionais que supostamente aplicaram as vacinas nunca trabalharam na UBS Santo Antônio.
As datas da segunda e terceira doses constavam nos comprovantes, mas não havia registro da aplicação.
Depoimento do empresário:

Em depoimento, o empresário negou ter apresentado os comprovantes falsos e disse que apenas tomou uma dose da vacina na Swift. No entanto, a juíza considerou as provas da investigação e condenou o empresário.

Pena:

O empresário foi condenado a:

Prestar serviços à comunidade por dois anos.
Pagar R$ 1.412,00 em prestação pecuniária.
Pagar outras multas, totalizando mais de R$ 5.300,00.
MAIS LIDAS
É vedada a transcrição de qualquer material parcial ou integral sem autorização prévia da direção
Entre em contato com a gente: (17) 99715-7260 | sugestões de reportagem e departamento comercial: regiaonoroeste@hotmail.com