Quinta, 18 de Julho de 2024

Evento marca pré-candidatura de Rodrigo Ortunho em Fernandópolis

06/07/2024 as 14:42 | Fernandópolis | Da Redaçao
Um evento realizado na manhã deste sábado, dia 6, marcou o lançamento da pré-candidatura de Rodrigo Ortunho a prefeito de Fernandópolis. Nove partidos políticos, entre eles, Republicanos, PP, PSB, Podemos, MDB, PSDB, União Brasil e Solidariedade, formam o time de coalizão em prol da candidatura à sucessão de André Pessuto.

O pré-lançamento da campanha aconteceu em um hotel na cidade de Fernandópolis às margens da rodovia Euclides da Cunha, e o salão ficou pequeno para o grande volume de apoiadores de Rodrigo Ortunho.

Estiveram presentes, além de vereadores da base aliada e pré-candidatos a vereadores, o deputado federal Fausto Pinato e o deputado estadual Carlão Pignatari. A deputada Analice Fernandes foi representada pelo assessor Neuclair Félix e Itamar Borges, representado pelo presidente do MDB, Cássio Araújo.

Representando o Republicanos, partido de Rodrigo Ortunho, estiveram presentes Edson Freire e Cleber Tavares, na ocasião representando o deputado federal e presidente nacional do partido, Marcos Pereira.

O deputado Carlão Pignatari disse durante discurso que Fernandópolis está no caminho certo, destacando a administração de André Pessuto e o trabalho do grupo em dar sequência aos projetos para a cidade de Fernandópolis, como Votuporanga fez desde 1996, indicando o nome de Ortunho e Cida Pessotto, pré-candidata a vice-prefeita.

Cida Pessotto (PP) manifestou que está à disposição do grupo nesta eleição municipal e vem para a pré-candidatura com o objetivo de somar forças.

O prefeito André Pessuto destacou o caráter e o trabalho que Rodrigo Ortunho vem realizando ao longo desses quase oito anos na administração e vê um rapaz preparado para dar sequência nos projetos de desenvolvimento da cidade.

Já o deputado federal Fausto Pinato fez uma explanação sobre sua própria trajetória política desde a primeira eleição, quando destacou que a legenda foi oferecida pelo então vereador Chico Arouca, até um dos mais influentes deputados no país, na Frente Parlamentar Brasil-China e nas comissões de Justiça e Redação e Agricultura.

Pinato confessou que tentou de todas as formas unir a política em Fernandópolis, mas ainda não teve sucesso, e que a eleição de Rodrigo Ortunho é mais um recomeço de apaziguar a política local.

Salientou que a indicação de Rodrigo Ortunho para sucessão de André Pessuto foi certeira, mesmo tendo outros nomes de peso no grupo. O nome de Cida Pessotto para o cargo de pré-candidata a vice-prefeita, representando o PP, é uma retribuição do partido na dobradinha com o Republicanos de Rodrigo Ortunho.

O deputado ainda mencionou que está em conversa com outros dois partidos políticos para voltarem a integrar o grupo vitorioso, mesmo enfrentando algumas resistências, disse que chegou a dialogar com alguns membros da executiva local do PL em busca de uma pacificação.

Antes da fala do pré-candidato a prefeito Rodrigo Ortunho, alguns vídeos foram exibidos declarando apoio à sua pré-candidatura, como o deputado federal Marcos Pereira, o secretário de Turismo e Viagens do Estado de São Paulo, Roberto de Lucena, e od presidente estadual do Republicanos, Roberto Carneiro.

O pré-candidato a prefeito Rodrigo Ortunho agradeceu o desprendimento de muitas pessoas que também são capazes de ir para uma disputa eleitoral, destacando a oportunidade de ser pré-candidato graças ao atual vice-prefeito Artur Watson, que naturalmente seria o candidato, mas por questões pessoais adiou a candidatura.

Ele cituou sua atuação como coordenador de campanha de André Pessuto à prefeitura de Fernandópolis nas últimas duas eleições municipais e garantiu que aprendeu muito com Pessuto nesse convívio de quase oito anos.

“Me sinto preparado para essa nova empreitada com o apoio da minha esposa (Rafa), de amigos e do grupo que se fortalece em prol da minha candidatura a prefeito em Fernandópolis”, afirmou Ortunho.

O trabalho segue nos bastidores, já que até a segunda quinzena de agosto é proibido pedir votos. Somente após concluídas as convenções partidárias e o registro das candidaturas, a busca pelo voto do eleitor será liberada até às vésperas das eleições, que acontecem em 6 de outubro.
MAIS LIDAS
É vedada a transcrição de qualquer material parcial ou integral sem autorização prévia da direção
Entre em contato com a gente: (17) 99715-7260 | sugestões de reportagem e departamento comercial: regiaonoroeste@hotmail.com