Terça, 18 de Junho de 2024

Prefeito é condenado por improbidade administrativa e perde cargo

11/06/2024 as 08:39 | Região | Da Redaçao
O prefeito de Braúna, Heitor Verdú (PSD), foi condenado pela Justiça de Penápolis (SP) por improbidade administrativa e teve seus direitos políticos suspensos por cinco anos. A decisão, que não cabe recurso, também determina o afastamento imediato de Verdú do cargo.

Irregularidades em licitações:

A condenação se baseia em irregularidades em dois contratos de licitação firmados com empresas de consultoria durante a gestão anterior de Verdú, entre 2009 e 2012. O prefeito terá que ressarcir aos cofres públicos o valor de R$ 528 mil, além de pagar multas.

Afastamento imediato:

A Câmara Municipal de Braúna foi oficialmente notificada da decisão nesta segunda-feira (10) e já iniciou os trâmites para o afastamento de Verdú. A presidente da Câmara, Michele Borges, afirmou que a mudança no comando da cidade será oficializada na sessão de quinta-feira (13).

Vice-prefeito assume:

Com o afastamento de Verdú, o vice-prefeito, Vander Antônio Guerrero Bosco, assumirá a administração municipal. A expectativa é que a posse oficial ocorra na sexta-feira (14).

Defesa se manifesta:

Os advogados de Verdú, Bruno Caires e Vitor Marques, informaram que ainda não tiveram acesso à íntegra da decisão e que, por isso, não podem se manifestar sobre o caso no momento. Eles afirmaram que, assim que forem intimados, analisarão as medidas cabíveis e buscarão o reestabelecimento da Justiça.
MAIS LIDAS
É vedada a transcrição de qualquer material parcial ou integral sem autorização prévia da direção
Entre em contato com a gente: (17) 99715-7260 | sugestões de reportagem e departamento comercial: regiaonoroeste@hotmail.com