Terça, 18 de Junho de 2024

A CPI do Arrozão

Foto: Arquivo pessoal
Luciano Zucco, deputado federal
11/06/2024 as 05:50 | Brasil | Valdecir Cremon - Youtube Cremon Jornalista
O deputado Luciano Zucco (Republicanos-RS) conseguiu coletar assinaturas de 100 parlamentares da Câmara para a instauração de uma CPI destinada a investigar o leilão da compra de arroz pelo governo petista. A proposta é saber como empresas de pequeno porte venceram o leilão de mais de R$ 1,3 bilhão. Faltam, ainda, mais 71 assinaturas para a formalização do pedido de CPI. Veja o que diz Zucco

As empresas


As principais vencedoras do leilão bilionário são: uma loja de queijos de Macapá (AP), uma locadora de veículos, de Brasília (DF), e uma sorveteria de Tatuí (SP).

Deve explicações


O ministro interino da Secretaria de Comunicação Social - órgão de propaganda de lula -, Laércio Portela, deve ser convocado pela Câmara dos Deputados para explicar o "gabinete da ousadia", segundo denúncia feita ontem pelo jornal O Estado de São Paulo. Portela, que foi chefe da propaganda de Hugo Chaves, o ditador sanguinário da Venezuela, criou o gabinete assim que tomou a cadeira de Paulo Montanha Pimenta.

Como funciona


O “gabinete da ousadia” realiza reuniões todos os dias via WhatsApp entre assessores da Secom, do PT nacional e dos gabinetes de líderes da extrema-esquerda, que apoiam lula na Câmara e no Senado. Para o quê? Decidir pautas positivas e escalar jornalistas e influencers para determinar o que a mídia publicará. Ou seja, para definir pautas, por exemplo, para jornais, sites, revistas, rádios e principalmente tevês que recebem grana pesada de lula.

Os invocados


Nikolas Ferreira (PL-MG) Kim Kataguiri (União Brasil-SP) e os senadores Damares Alves (Republicanos-DF) e Eduardo Girão (Novo-CE) querem explicações do petista e de Laércio Portela.

Tá explicado?


O governo gasta dinheiro público para pautar a imprensa suja. E agora, Alexandre de Morais? Vai pôr no inquérito das milícias digitais?

Contra a raiz


Lula se reuniu, ontem, com líderes sindicais de professores de vários níveis para cobrar o fim das greves no setor, principalmente no universitário, que entra hoje no seu 69º dia. Disse, em tom de palanque, que eles precisam ser mais duros com os grevistas. Justamente ele, que passou parte da vida como uma pedra no sapato de patrões, defendendo greves.

Mijando no poste


Cinco juízes instrutores do STF, contratados originalmente pelo Tribunal de Justiça do Distrito Federal, recebem R$ 10 mil a mais de salários - sobre os R$ 40 mil nominais - como pagamento por diárias mesmo residindo em Brasília. Eles trabalham para Luiz Édson Fachin, Cristiano Zanin e Gilmar Mendes. Dados do Portal da Transparência.

Sabe por quê?


O preço dos combustíveis deve ter um forte aumento nesta semana. E não será por culpa da Petrobras nem do mercado externo de petróleo. Donos das redes de postos anunciaram que vão repassar na íntegra ao consumidor o custo do fim da compensação de créditos de PIS e Cofins, contida em uma MP do governo lula, assinada por Fernando Haddad.
a) Lula quer mais dinheiro para gastar melhor
b) Lula quer mais dinheiro para gastar mais
c) Lula quer mais dinheiro para…

FRASE


De Luiz Roberto Barroso, o ministro que ocupa a sala da Presidência do STF, sobre críticas a viagens internacionais de seus colegas de toga e a reuniões com empresários - muitos com processos em andamento na corte de justiça. Ontem, em mais uma entrevista ao programa Roda Viva, da TV Cultura de São Paulo (SP).

“Quanto aos eventos, eu acho uma falta de incompreensão, que tem sido muito explorada recentemente […] Os ministros não podem viver encastelados no mundo próprio, a gente conversa com a sociedade […] Quando nós conversamos com empresários, há sempre uma repercussão negativa como se tivesse algo impróprio.”
MAIS POLÍTICA EM DIA
MAIS LIDAS
É vedada a transcrição de qualquer material parcial ou integral sem autorização prévia da direção
Entre em contato com a gente: (17) 99715-7260 | sugestões de reportagem e departamento comercial: regiaonoroeste@hotmail.com