Segunda, 20 de Maio de 2024

Pimenta no banquinho

Foto: Agência Brasil
Paulo Pimenta, chefe da Secom
13/05/2024 as 06:27 | Brasil | Valdecir Cremon - Youtube Cremon Jornalista
O ministro da Propaganda, Paulo Pimenta, deverá se explicar na Câmara dos Deputados, nos próximos dias, sobre ameaças que fez a internautas e a políticos que criticam as fracas ações do governo federal nas enchentes do Rio Grande do Sul. A convocação dele deve sair nesta semana, incluindo o pedido de inquérito feito ao ministro Ricardo Lewandowski (Justiça) em claríssima ação de repressão.

Deu no Metrópoles


"Para 55% dos brasileiros, Lula não merece outra chance em 2026, segundo a pesquisa Genial/Quaest divulgada nesta segunda-feira (13/5). O levantamento mostrou que 47% dos eleitores poderiam votar para reeleger Lula, mas 49% rejeitam o presidente."

Discutir o Brasil… nos EUA


O ministro Alexandre de Moraes, do STF, e 11 governadores brasileiros vão passar a semana inteira nos Estados Unidos para discutir ideias e ações para o Brasil, em eventos promovidos por um grupo de milionários da extrema-esquerda e o jornal Valor Econômico, das Organizações Globo. Com eles também viajam 17 políticos, entre deputados federais e ex-presidente Michel Temer.

Dino segura o caso


Após votos favoráveis de Cármen Lúcia e Alexandre de Moraes, o também ministro do STF, Flávio Dino pediu vistas e poderá levar até 90 dias para votar no processo de Jair Bolsonaro contra André Janones, deputado federal sem partido, de Minas Gerais. O placar está em 2x1 com voto contrário de Cristiano Zanin. Janones pode ser processado por ter chamado, sem provas, Bolsonaro de "corrupto" e "ladrão de jóias".

Vitória de Marçal


Três dias depois, o comandante da FAB, brigadeiro Marcelo Kanitz Damasceno, atendeu ao pedido do empresário Pablo Marçal para trazer 20 toneladas de doações arrecadadas em Portugal para o Rio Grande do Sul. Damasceno não havia respondido aos pedidos de Marçal, mas foi pressionado por uma enxurrada de críticas nas redes sociais. Ontem, ele ajustou com o governo português o envio das doações.

https://youtu.be/B7JBdnp4a1E?si=zQ43UgTli2CyPn6k

Ajuda dos EUA


Um avião carregado na Carolina do Norte (EUA) com 20 toneladas de itens de emergência chegou ontem ao Brasil para doação a famílias afetadas pelas enchentes no Rio Grande do Sul. Os suprimentos são de higiene pessoal, cobertores, roupas e equipamentos como filtros de água, que podem fornecer água limpa para até 10.000 pessoas por dia. O avião e as doações vieram da Samaritan’s Purse International Relief, entidade cristã criada em 1970 para apoiar vítimas de catástrofes.

Musk cumpre promessa


O governo do Rio Grande do Sul recebeu, no final de semana, as 1.000 antenas de internet via satélite enviadas pelo empresário Elon Musk, dono da Starlink. Os equipamentos foram enviados para a base aérea de Canoas.

Nikolas contra-ataca


"Para aqueles que me julgaram dizendo que eu iria trazer essas pautas inúteis e desnecessárias para a Comissão de Educação, está mais uma vez comprovado que é o PT que quer isso." A declaração é do deputado federal Nikolas Ferreira (PL-MG) após o governo lula enviar à Câmara dos Deputados um projeto que institui a linguagem neutra no ensino regular do Brasil.

Apoio


Hospitalizados em São Paulo (SP), Jair Bolsonaro e o senador Magno Malta - ambos do PL - gravaram um vídeo em dupla com pedido para a população de todo o país manter as mobilizações em prol do povo gaúcho. E também agradeceram pelas orações.

Luto na política


Morreu neste domingo, aos 39 anos, a deputada federal Amália Barros, do PL de São Paulo, após quatro cirurgias para retirada de um nódulo do pâncreas e complicações de saúde. O velório e sepultamento serão realizados em Mogi Mirim, onde ela nasceu.

Mijando no poste


Enquanto resiste em admitir que a maior parte das ações de socorro ao povo gaúcho é dado por civis, o Exército assiste imagens de seus soldados ilhados em cima de caminhões cobertos de água e de uma fila indiana bem fajuta para transferir mercadorias de um caminhão a outro.

FRASE


De Michelle Bolsonaro, em homenagem à deputada federal Amália Barros, que era vice-presidente do PL Mulher.

"Amália Barros, uma verdadeira guerreira das causas sociais e defensora incansável dos direitos das pessoas com deficiência, nos deixou, mas deixa um legado de luta, resiliência e esperança que transcenderá gerações."
MAIS LIDAS
É vedada a transcrição de qualquer material parcial ou integral sem autorização prévia da direção
Entre em contato com a gente: (17) 99715-7260 | sugestões de reportagem e departamento comercial: regiaonoroeste@hotmail.com