Quarta, 24 de Abril de 2024

Impeachment de Gilmar Mendes

Foto: Agência Senado
04/03/2024 as 07:00 | Brasil | Valdecir Cremon
O senador Marcos do Val (Podemos-ES) registrou em um livro de 302 páginas - impresso pela gráfica do Senado - os seus "feitos" entre 2021 e 2023. Entre suas "realizações" está o pedido de impeachment do ministro Gilmar Mendes, do STF, que não prosperou.

Clamor pela vida


Clamar pela vida, contra as drogas. A Frente Parlamentar Evangélica está convidando os cristãos brasileiros a se unirem em uma campanha de oração contra a descriminalização do porte de maconha. Por mais incrível que pareça, 5 das 11 pessoas mais odiadas do Brasil já votaram a favor deste crime no STF. São favoráveis à descriminalização das drogas. Só um, André Mendonça, votou contra.

Resultado lógico


Uma pesquisa do Instituto Quaest, divulgada ontem, mostra que 74% dos brasileiros acreditam que o STF incentiva a corrupção ao anular punições a empresas corruptas denunciadas na Operação Lava Jato. Entre homens, esta opinião chega a 79%; entre mulheres, 70%. Eleitores de Jair Bolsonaro, 85%, e de lula, 68% concordam que ministros favorecem corruptos e corruptores.

Tentáculos estendidos


O ministro Alexandre de Moraes, que ocupa a presidência do TSE, defende a necessidade de uma regulamentação das redes sociais em todo o mundo. Ele acha que nossa liberdade de opinar por meio do Facebook, Instagram, Youtube, etc, deve ser proibida do Brasil a todos os países.

Impensável


João Oliveira Antunes Neto, um barbeiro piauiense, de 20 anos, foi condenado a 11 anos de cadeia por publicar fotos dos atos de 8 de janeiro no Facebook, quando estava em Brasília. A pena foi definida por Alexandre de Moraes e aprovada pela maioria dos togados.

Mijando no cachorro


O Psol entrou com uma ação no STF contra as prefeituras do Rio Grande do Sul que dispensaram a vacinação obrigatória de crianças para matrícula em escolas públicas. O partido do Adélio Bispo exige que pais sejam acorrentados a esta exigência.

Preocupante


Investidores estrangeiros retiraram do Brasil R$ 17,4 bilhões em negócios no período de um ano. Foram para a Europa e os Estados Unidos, onde governos não perseguem o capital privado e lucros de investimentos.

Derrubando a audiência


O programa da esquerdista Cissa Guimarães, contratada pela Rede Brasil - emissora sustentada pelo nosso dinheiro - com salário mensal de R$ 70 mil, deu audiência de 0,1 ponto na estreia, segunda-feira passada. Como será hoje?

Bola de cristal


Ricardo Cappelli, que chegou a ser cotado para ministro da Justiça, na saída de Flávio Dino, previu que Bolsonaro será preso. Foi numa postagem no X-Twitter, neste domingo, em referência aos atos de 8 de janeiro. Ele foi o número 2 do MJ no governo lula e nomeou, inclusive, a direção do presídio de Mossoró (RN). Teria informações privilegiadas?

Luto no jornalismo


Morreu, ontem, aos 60 anos, o jornalista Claudio Tognolli - ex-Folha de S.Paulo, O Estado de S. Paulo, Jornal da Tarde e revista Veja. Ele teve complicações de um transplante cardíaco e estava hospitalizado em São Paulo (SP).

FRASE


De Fabio Wajngarten, advogado de Jair Bolsonaro, sobre a difamação promovida pela PF por meio da imprensa a investigados ligados ao ex-presidente. Ontem, no X-Twitter.

“Vazamentos seletivos, fontes seletivas em pleno sábado de sol. A defesa técnica e formalmente constituída nos autos totalmente no escuro. A estratégia de constrangimento via imprensa pode parecer oportuna, mas saibam todos que não vai prosperar."
MAIS POLÍTICA EM DIA
Brasil
Brasil
MAIS LIDAS
É vedada a transcrição de qualquer material parcial ou integral sem autorização prévia da direção
Entre em contato com a gente: (17) 99715-7260 | sugestões de reportagem e departamento comercial: regiaonoroeste@hotmail.com