Quarta, 24 de Abril de 2024

"Golpe é Tanque na Rua", rebate Bolsonaro em ato na Paulista

26/02/2024 as 06:30 | São Paulo | Da Redaçao
Em um discurso inflamado durante o ato pela democracia na Avenida Paulista neste domingo (25), o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) rebateu as acusações de que teria tentado executar um golpe de Estado em 2022.

"Isso sempre ouvi desde que assumi", disse Bolsonaro, referindo-se à suposta tentativa de golpe. "O que é golpe? É tanque na rua, é arma, é conspiração, é trazer classes empresariais para seu lado. Nada disso foi feito no Brasil."
Questionado sobre as ações que tomaria em caso de um real risco de golpe, Bolsonaro esclareceu que a implementação do estado de sítio e de defesa são regidos por leis constitucionais. Nesses contextos, é necessário consultar os conselhos da República e da Defesa. Se esses dois órgãos indicarem aprovação, o Parlamento é chamado para dar sua opinião. No entanto, Bolsonaro enfatizou que nenhum desses procedimentos aconteceu durante sua administração.
"Eu poderia ter feito o estado de sítio, poderia ter feito o estado de defesa, mas não fiz", disse ele. "Eu poderia ter me calado e ficado em casa, mas estou aqui."

Ato pela Democracia Reúne Milhares na Paulista
O ato em defesa da democracia reuniu milhares de pessoas na Avenida Paulista neste domingo. O ex-presidente convocou o protesto e, desde o início, manteve uma postura pacífica. Em vídeo publicado nas redes sociais, ele solicitou que os manifestantes não portassem cartazes ou faixas "contra quem quer que seja" e vestissem as cores da bandeira brasileira.

"Quero me defender de todas as acusações que têm sido imputadas à minha pessoa nos últimos meses", disse Bolsonaro no vídeo. "Mais do que discurso, uma fotografia de todos vocês, porque vocês são as pessoas mais importantes deste evento. Vamos mostrar para o Brasil e para o mundo a nossa união, as nossas preocupações e o que nós queremos: Deus, pátria, família e liberdade."

Repercussão
O discurso de Bolsonaro e o ato pela democracia geraram grande repercussão nas redes sociais e na mídia. O evento foi visto como um teste de força para a oposição ao governo federal e um marco na polarização política no país.



MAIS LIDAS
É vedada a transcrição de qualquer material parcial ou integral sem autorização prévia da direção
Entre em contato com a gente: (17) 99715-7260 | sugestões de reportagem e departamento comercial: regiaonoroeste@hotmail.com