STF condena Collor por corrupo e lavagem de dinheiro - regiaonoroeste.com
Segunda, 29 de Maio de 2023

STF condena Collor por corrupo e lavagem de dinheiro

25/05/2023 as 16:30 | Brasil | Agncia Brasil
O Supremo Tribunal Federal (STF) condenou, nesta quinta-feira (25), em Braslia, o ex-senador e ex-presidente Fernando Collor por corrupo passiva e lavagem de dinheiro em um processo da Operao Lava Jato.

Para o tribunal, como antigo dirigente do Partido Trabalhista Brasileiro (PTB), Collor foi responsvel por indicaes polticas para a BR Distribuidora, empresa subsidiria da Petrobras, e recebeu R$ 20 milhes em vantagens indevidas em contratos da empresa.

Aps seis sesses de julgamento, o placar da votao terminou oito votos a dois pela condenao. Os ministros prosseguem com o julgamento para definir a pena de Collor, que poder recorrer em liberdade.

O relator do caso, ministro Edson Fachin, sugeriu pena de 33 anos e 10 meses de priso para o ex-presidente. Dois ex-assessores tambm podem ser condenados no caso.

O STF julga uma ao penal aberta em agosto de 2017. Segundo a Procuradoria-Geral da Repblica (PGR), o ex-presidente da Repblica teria recebido pelo menos R$ 20 milhes de propina pela influncia poltica na BR Distribuidora. Os crimes teriam ocorrido entre 2010 e 2014.

Defesa
Durante o julgamento, o advogado Marcelo Bessa pediu a absolvio de Collor. A defesa alegou que as acusaes da PGR esto baseadas em depoimentos de delao premiada e no foram apresentadas provas para incriminar o ex-senador.

Bessa tambm negou que o ex-parlamentar tenha sido responsvel pela indicao de diretores da empresa. Segundo ele, os delatores acusaram Collor com base em comentrios de terceiros.

"No h nenhuma prova idnea que corrobore essa verso do Ministrio Pblico. Se tem aqui uma verso posta, nica e exclusivamente, por colaboradores premiados, que no dizem que a arrecadao desses valores teria relao com Collor ou com suposta intermediao desse contrato de embandeiramento", finalizou.
MAIS LIDAS
� vedada a transcri��o de qualquer material parcial ou integral sem autoriza��o pr�via da dire��o
Entre em contato com a gente: (17) 99715-7260 | sugest�o de reportagem e departamento comercial: regiaonoroeste@hotmail.com