Cientistas investigam possvel relao entre guaxinins e Covid - regiaonoroeste.com
Terca, 21 de Marco de 2023

Cientistas investigam possvel relao entre guaxinins e Covid

19/03/2023 as 06:00 | Mundo | G1
Material gentico coletado no mercado chins prximo ao local onde os primeiros casos de Covid-19 foram identificados mostraram o DNA de uma espcie de guaxinim (um candeo originrio do Japo, chamado co-guaxinim) misturado com o vrus.

Cientistas agora investigam a possibilidade de haver relao entre o achado e a origem da pandemia. O centro chins de controle de doenas colocou recentemente os dados genticos que ligam o coronavrus ao co-guaxinim no maior banco de dados pblico de vrus do mundo, mas removeu logo em seguida.

No entanto, um bilogo francs descobriu as informaes por acaso e as compartilhou com um grupo que est investigando as origens do coronavrus.

O co-guaxinim criado por causa de seu pelo e a carne vendida em mercados por toda a China. A amostra ainda ser analisada por outros especialistas, que precisam comparar as sequncias genticas para ver qual veio primeiro.

Esses dados no fornecem uma resposta definitiva sobre como a pandemia comeou, mas todos os so importantes para nos aproximar dessa resposta, disse o diretor-geral da Organizao Mundial da Sade, Tedros Adhanom Ghebreyesus, nesta sexta-feira (17).

Tedros tambm criticou a China por no compartilhar as informaes genticas mais cedo, afirmando que "esse dado poderia e deveria ter sido compartilhado trs anos atrs".

Tedros disse que as sequncias genticas foram recentemente colocadas no maior banco de dados pblico de vrus do mundo por cientistas do Centro Chins de Controle e Preveno de Doenas. No entanto, logo foram removidas, mas no antes de um bilogo francs descobrir as informaes por acaso e compartilh-las com um grupo de cientistas fora da China que est investigando as origens do coronavrus.

H uma boa chance de que os animais que depositaram o DNA tambm tenham depositado o vrus, disse Stephen Goldstein, virologista da Universidade de Utah que participou da anlise dos dados.

Descobertas no so definitivas
Tambm possvel que os humanos tenham levado o vrus ao mercado e infectado os ces-guaxinim, ou que os humanos infectados simplesmente tenham deixado vestgios do vrus perto dos animais.

As amostras foram coletadas de superfcies de uma barraca que comerciava animais selvagens no mercado de Huanan no incio de 2020, onde os primeiros casos humanos de Covid-19 foram encontrados no final de 2019.

Ray Yip, epidemiologista e membro fundador do escritrio dos Centros de Controle de Doenas dos EUA na China, disse que as descobertas so significativas, embora no sejam definitivas.

Os dados de amostragem ambiental do mercado publicados pelo CDC da China so de longe a evidncia mais forte para apoiar a origem animal, disse Yip agncia Associated Press em um e-mail. Ele no estava conectado nova anlise.

A lder tcnica de Covid-19 da OMS, Maria Van Kerkhove, alertou que a anlise no encontrou o vrus em nenhum animal nem encontrou evidncia concreta de que animais infectaram humanos.

O que isso fornece so pistas para nos ajudar a entender o que pode ter acontecido, disse Van Kerkhove.

O cdigo gentico do coronavrus bastante semelhante ao do coronavrus advindo do morcego, e muitos cientistas suspeitam que ele saltou para os humanos diretamente de um morcego ou por meio de um animal intermedirio como pangolins, fures ou ces-guaxinim.

Para se ter uma ideia da dimenso deste trabalho, especialistas em vrus levaram mais de doze anos para identificar a origem animal do SARS, um vrus relacionado.
MAIS LIDAS
� vedada a transcri��o de qualquer material parcial ou integral sem autoriza��o pr�via da dire��o
Entre em contato com a gente: (17) 99715-7260 | sugest�o de reportagem e departamento comercial: regiaonoroeste@hotmail.com