Ministra da Sade diz que preciso discutir o financiamento do SUS - regiaonoroeste.com
Domingo, 28 de Maio de 2023

Ministra da Sade diz que preciso discutir o financiamento do SUS

17/03/2023 as 13:59 | Brasil | Agncia Brasil
A ministra da Sade, Nsia Trindade, disse nesta sexta-feira (17), no Rio de Janeiro, que preciso discutir o financiamento do Sistema nico de Sade (SUS). Para ela, o tema importante para que se garanta a efetivao do direito de toda a populao sade.

O gasto per capita da iniciativa privada quatro vezes superior ao gasto per capita pblico do Sistema nico de Sade (SUS). Esse fato torna-se mais agudo com os aprendizados da pandemia, em que o prprio papel do sistema foi to abordado de forma positiva, disse, durante evento na Fundao Getulio Vargas (FGV).

Temos um sistema de sade universal com problema de financiamento e com os desafios de estar encarando uma transio demogrfica e epidemiolgica.

A ministra disse que importante tambm haver investimentos contnuos em cincia, tecnologia e inovao em sade.

Em todo o mundo, falou-se muito que as vacinas [contra a covid-19] foram desenvolvidas em tempo recorde. Na verdade, se no houvesse investimentos anteriores [no haveria essas vacinas]. O caso da Universidade de Oxford [que produziu a vacina com o laboratrio AstraZeneca] foi fruto de investimentos de dez anos contnuos no desenvolvimento de vacinas, explicou.

Para Nsia Trindade necessrio que os cientistas mudem a forma de se comunicar com as pessoas, a fim de diminuir a desconfiana que parcelas da populao tm em relao cincia.

H uma necessidade de mudarmos a prpria forma de comunicarmos a cincia. Cincia no matria de opinio. matria de construo a partir de evidncias e consensos entre os pares [cientistas]. Isso fundamental para a relao entre sade e democracia. Ns nos baseamos na evidncia cientfica mas precisamos fazer uma construo coletiva.
MAIS LIDAS
� vedada a transcri��o de qualquer material parcial ou integral sem autoriza��o pr�via da dire��o
Entre em contato com a gente: (17) 99715-7260 | sugest�o de reportagem e departamento comercial: regiaonoroeste@hotmail.com