Daniel Alves divide cela em rea para agressores sexuais - regiaonoroeste.com
Domingo, 03 de Dezembro de 2023

Daniel Alves divide cela em rea para agressores sexuais

23/01/2023 as 16:37 | Mundo | Estado
Daniel Alves foi transferido nesta segunda-feira do presdio Brians 1 para o Brians 2, que fica ao lado, em Barcelona, para garantir a sua segurana e "convivncia normal", segundo a imprensa espanhola. Ele divide cela com outro preso em um mdulo destinado para internos acusados de agresses sexuais. O lateral-direito de 39 anos foi preso preventivamente, sem direito a fiana, na sexta-feira, por suposto caso de estupro contra uma mulher espanhola de 23 anos.

De acordo com o estafe do atleta, a mudana j estava prevista e trata-se de um protocolo da unidade. A rea tambm conhecida por abrigar empresrios, polticos e ex-policiais. O local possui um departamento de priso provisria, como o caso do brasileiro. A mudana de presdio foi decidida pela Secretaria de Medidas Penais, Reinsero e Atendimento Vtima.

O Centro Penitencirio Brians 2 foi inaugurado em 1 de junho de 2007. Ele localizado ao lado do Centro Penitencirio Brians 1, no municpio de Sant Esteve Sesrovires, uma cidade no norte da regio de Baix Llobregat. Segundo a Secretaria de Justia, Direitos e Memria, o Centro Penitencirio Brians 2 composto por 14 mdulos e cada um possui 3 andares e 72 celas. Tambm possui mais dois mdulos para determinados servios e perfis.

Cada mdulo dispe de um refeitrio com produtos bsicos para os reclusos, ambulatrio, oficinas ocupacionais, sala de estar, salo de cabeleireiro, salas educativas, parque infantil, ginsio, campo desportivo e zonas ajardinadas para passeio.

PRISO TEVE MORTE DE JOHN MCAFEE E ABRIGOU EX-PRESIDENTE DO BARCELONA

O pioneiro dos programas de antivrus John McAfee foi encontrado morto no dia 23 de junho de 2021, na penitenciria Brians 2, em Sant Esteve de Sesrovires, em Barcelona. Criador do software que leva seu sobrenome, o empresrio de 75 anos se matou aps a deciso judicial que autorizava a extradio de McAfee para os Estados Unidos, onde iria cumprir pena pelo crime de evaso fiscal.

A deciso da Justia espanhola ainda poderia ter tido apelao pela defesa de McAfee, mas, poucas horas depois de emitida a ordem, o empresrio foi encontrado por policiais, j morto, na priso. Antes de ser preso, ele era procurado pela Interpol com cdigo vermelho (o mais alto da polcia internacional).

Outro preso ilustre do Brians 2 foi Sandro Rosell, ex-presidente do Barcelona. O cartola ficou 21 meses na priso aps ser detido em maio de 2017 acusado de apropriao indbita de fundos provenientes da venda de direitos televisivos envolvendo amistosos da seleo brasileira, bem como de um contrato de patrocnio entre a empresa de material esportivo Nike e a CBF, que na poca era presidida por Ricardo Teixeira. Ele tambm foi acusado de fazer parte de uma organizao criminosa.

Ao se defender na Justia, Rosell admitiu ter feito alguns investimentos em negcios com Ricardo Teixeira, mas que no teriam, na sua verso, qualquer relao com os contratos para as partidas do Brasil. Mas admitiu que o ex-presidente da CBF lhe emprestou dinheiro para ajud-lo a comprar um apartamento, algo que declarou ter pagado com juros trs anos depois. Os promotores dizem que o emprstimo fazia parte do esquema de lavagem de dinheiro supostamente montado pelos dois ex-dirigentes.

O ex-mandatrio do clube espanhol foi solto depois de ser absolvido por um tribunal de Madri. A sentena que o favoreceu disse no ter encontrado evidncias suficientes para consider-lo culpado neste caso.

O CASO DANIEL ALVES

A juza Maria Concepcin Canton Martn decretou a priso de Daniel Alves na sexta. Ele foi detido ao dar depoimento sobre o caso de agresso sexual contra uma mulher no dia 30 de dezembro. O Ministrio Pblico pediu a priso preventiva do atleta de 39 anos, sem direito a fiana, e a titular do Juizado de Instruo 15 de Barcelona acatou o pedido, ordenando a deteno.

A juza argumentou na deciso que prender o jogador se justificava pelo risco de fuga, uma vez que o atleta no mora mais na Espanha e tem recursos financeiros para sair do pas a qualquer momento. Alm disso, o pas no tem acordo de extradio com o Brasil.

A acusao se refere a um episdio que teria ocorrido na casa noturna Sutton, em Barcelona. O atleta, que defendeu a seleo brasileira na Copa do Mundo do Catar, teria estuprado a mulher dentro do banheiro do local, segundo informaes do jornal El Peridico, da Catalunha. De acordo com o veculo de comunicao, as cmeras de vigilncia do local mostram que o jogador brasileiro esteve por 15 minutos no banheiro com a jovem que o denunciou.

A equipe de segurana da casa noturna acionou a polcia catal, que colheu depoimento da vtima. Ela tambm passou por exame mdico em um hospital. Daniel Alves foi embora do local antes da chegada dos policiais.

Segundo a imprensa espanhola, a contradio no depoimento do lateral-direito foi determinante para o Ministrio Pblico do pas pedir a priso e a juza aceitar. No incio de janeiro, o jogador deu entrevista ao programa "Y Ahora Sonsoles", da Antena 3, em que confirmou que esteve na mesma boate que a mulher que o acusa, mas negou ter tocado na denunciante sem a anuncia dela e disse que nem a conhecia. No depoimento, porm, de acordo com os meios de comunicao da Espanha, o atleta afirmou ter tido relaes consensuais com a mulher, cujo nome no foi revelado.

De acordo com o jornal El Pas, a mulher no quer ser indenizada e abriu mo de ser ressarcida financeiramente pelas leses e tambm pelos danos morais por entender que o objetivo principal fazer com que o atleta seja punido pelo ocorrido.

O Pumas, do Mxico, anunciou ainda na sexta-feira que o contrato de trabalho de Daniel Alves com o clube ser rompido por justa causa.
MAIS LIDAS
� vedada a transcri��o de qualquer material parcial ou integral sem autoriza��o pr�via da dire��o
Entre em contato com a gente: (17) 99715-7260 | sugest�o de reportagem e departamento comercial: regiaonoroeste@hotmail.com