Mxico vence sauditas, mas perde vaga s oitavas no saldo de gols - regiaonoroeste.com
Sabado, 28 de Janeiro de 2023

Mxico vence sauditas, mas perde vaga s oitavas no saldo de gols

01/12/2022 as 08:13 | Mundo | Agncia Brasil
O Mxico venceu pela primeira vez na Copa do Mundo do Catar, mas est fora da briga do ttulo. Nesta quarta-feira (30), a seleo norte-americana bateu a Arbia Saudita por 2 a 1 no Estdio de Lusail. O triunfo, porm, foi insuficiente. A equipe tricolor encerrou o Grupo C na terceira posio, com a mesma pontuao da Polnia, segunda colocada, ficando atrs pelo saldo de gols. Os asiticos, com trs pontos, ficaram com a lanterna.

A vitria da Argentina sobre a Polnia, por 2 a 0, no Estdio 974, em Doha, permitiria aos mexicanos se classificarem com uma vitria por trs gols de diferena. Um triunfo por 2 a 0 - como apontou o placar em Lusail em quase toda a segunda etapa - levaria a deciso da segunda vaga para o critrio do nmero de amarelos, que colocaria os poloneses na segunda posio por terem trs cartes a menos. O gol saudita, marcado nos acrscimos, foi uma ducha de gua fria.

a primeira vez, desde 1978, que o Mxico no passa da primeira fase em uma Copa. Aps estrear com uma vitria histrica sobre a Argentina, por 2 a 1, de virada, a Arbia Saudita ficou pelo caminho e repetiu o roteiro das quatro participaes anteriores, entre 1998 e 2006 e 2018, quando caiu na fase de grupos. Os sauditas avanaram ao mata-mata apenas em 1994, na estreia do pas em Mundiais, parando nas oitavas de final.

O argentino Gerardo Martino, tcnico do Mxico, voltou atrs em boa parte das mudanas feitas contra a Argentina (que terminou em derrota por 2 a 0) e reeditou a base da equipe que empatou sem gols com a Polnia, na estreia. O lateral Jorge Snchez, o volante Edson lvarez e o atacante Henry Martn retornaram ao time, escalado com trs homens de frente. O nico desfalque foi o volante Andrs Guardado, capito mexicano, com uma leso muscular.

Na seleo saudita, o francs Herv Renard tambm mexeu no time que perdeu por 2 a 0 da Polnia. Em alguns casos, as trocas foram necessrias. Na defesa, Sultan Al-Ghanam e Ali Al-Bulayhi (na vaga do lesionado Mohammed Al-Burayk) assumiram as laterais, com Hassan Al-Tambakti na zaga (o meia Sami Al-Naji iniciou no banco) e Saud Abdulhamid (lateral nos jogos anteriores) escalado como volante. Ainda no meio-campo, o suspenso Abdulelah Al-Malki foi substitudo por Ali Al-Hassan.

A necessidade de uma vitria com bom saldo de gols fez o Mxico ter o comando das aes ofensivas no primeiro tempo. Aos dois minutos, Hirving Lozano espetou a bola no meio da zaga saudita e Alexis Vega, na frente de Mohammed Al-Owais, bateu em cima do goleiro. A resposta asitica veio cinco minutos depois, em contra-ataque pela esquerda e cruzamento para o Mohamed Kanno, livre na direita, quase na pequena rea, bater de primeira, por cima do gol. O volante assustou novamente aos 12, em cobrana de falta da meia-lua, rente ao travesso.

Os mexicanos rondavam a rea asitica, mas com dificuldades para entrar nela. Os chutes da intermediria e as bolas aladas foram alternativa, sem sucesso. Em uma delas, aos 26 minutos, Lozano cruzou pela direita para cabeada do meia Orbelin Pineda, no contrap de Al-Owais, que Al-Ghanam salvou quase em cima da linha. Recuada, a Arbia s conseguiu encaixar um contra-ataque nos acrscimos, pouco antes do intervalo, em cruzamento de Al-Ghanam pela direita e "peixinho" de Al-Hassan, que foi direita do gol de Guillermo Ochoa.

A insistncia norte-americana foi premiada no segundo tempo. Aos dois minutos, aps escanteio batido pela esquerda, o zagueiro Cesar Montes desviou na primeira trave e Martn, na pequena rea, mandou para as redes. Quatro minutos depois, o volante Luis Chvez, cobrando falta no ngulo, aumentou a vantagem tricolor. O terceiro teria sado aos dez minutos, com Lozano, mas a arbitragem deu impedimento de Martn e anulou o gol.

A possibilidade de classificao empolgou os mexicanos, que martelaram atrs do gol salvador. Martn e Pineda falharam por pouco na pontaria, enquanto Chvez e Lozano pararam em Al-Owais. Aos 41, Uriel Antuna balanou as redes, mas o lance foi anulado por impedimento do atacante. Nos acrscimos, o drama tricolor deu lugar decepo. Na nica investida saudita no segundo tempo, o atacante Salem Al-Dawsari tabelou na entrada da rea e finalizou na sada de Ochoa, para delrio da torcida polonesa, que aguardava, desesperada, o trmino da partida, aps a derrota para a Argentina.
MAIS LIDAS
� vedada a transcri��o de qualquer material parcial ou integral sem autoriza��o pr�via da dire��o
Entre em contato com a gente: (17) 99715-7260 | sugest�o de reportagem e departamento comercial: regiaonoroeste@hotmail.com