CETESB concede licença prévia de liberação de Distrito Industrial - regiaonoroeste.com
Domingo, 03 de Julho de 2022

CETESB concede licença prévia de liberação de Distrito Industrial

Documentação foi encaminhada para o Cartório visando a regularização final dos lotes
22/06/2022 as 07:01 | Fernandópolis | Da Redaçao
Uma grande notícia foi confirmada na manhã desta terça-feira, 21, pelas Secretarias Municipais de Meio Ambiente e de Desenvolvimento Sustentável da Prefeitura de Fernandópolis.

A CETESB - Companhia Ambiental do Estado de São Paulo concedeu a licença prévia que era aguardada com expectativa pelo Poder Público municipal e por empresários com relação ao Distrito Industrial VI.

O processo final foi acompanhado de perto pelo deputado estadual e presidente da ALESP – Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, Carlão Pignatari. “Após um longo processo de importantes estudos técnicos, fico feliz em ver a licença sendo concedida para o Distrito VI. Esse local vai potencializar ainda mais a geração de empregos em Fernandópolis, além de atrair investimentos para a cidade”, destacou Carlão.

Nesta terça-feira, 21, a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Sustentável encaminhou para o cartório de registros do município toda a documentação necessária para a regularização final dos terrenos. “Quero agradecer o empenho do nosso prefeito André, do deputado Carlão e de todas as equipes que de forma muito técnica elaboraram todos dos relatórios e documentos necessários. Agora estamos na reta final, aguardando essa regularização do Cartório para que o Distrito possa ganhar vida”, destacou o secretário Wagner Kamiyama.

Para o prefeito André Pessuto, essa grande área ao lado da rodovia Euclides da Cunha vai ser de fundamental importância para o crescimento econômico. “Estamos saindo de uma pandemia, buscando uma retomada econômica e hoje Fernandópolis é uma das poucas cidades do Brasil que vai poder oferecer um parque industrial novo, todo com infraestrutura para o empresário crescer, gerar rendas e empregos no município. Pensamos nisso lá atrás e falta muito pouco para começarmos a colher os frutos”, comentou Pessuto.
MAIS LIDAS
É vedada a transcrição de qualquer material parcial ou integral sem autorização prévia da direção
Entre em contato com a gente: (17) 99715-7260 | sugestão de reportagem e departamento comercial: regiaonoroeste@hotmail.com