Quarta, 20 de Outubro de 2021

Ladrão tenta levar cadeira de rodas e é pego pela Guarda

27/09/2021 as 06:30 | S. J. do Rio Preto | DL News
Agentes da Guarda Municipal de Rio Preto flagraram um rapaz de 25 anos no momento em que ele escalada o alambrado para sair da Associação Renascer carregando uma cadeira de rodas modelo infantil e uma bola de basquetebol. O caso aconteceu por volta das 10h30, manhã deste sábado.

Os guardas contaram que patrulhavam pela avenida Amelia Curi Gabriel, no Jardim Soraya, próximo à instituição educacional para pessoas com deficiência, quando observaram que o acusado saltava o alambrado que cerca a associação. Ao ser abordado e indagado, ele disse que iria levar a cadeira de rodas para seu pai, que estava com a perna machucada.

Sobre a bola de basquete, ele afirmou que pretendia levá-la embora porque gosta de basquetebol. O rapaz foi preso, sem resistência, mas algemado. A cadeira de rodas é estimada e R$ 800 e bola de basquete custaria cerca de R$ 50. O vigia do local reconheceu a cadeira de rodas e a bola de basquete, mas disse não ter visto o furto.

Não é a primeira vez que a Associação Renascer sofre com a ocorrência de furtos. Em junho a reportagem do DL News trouxe a notícia de que a entidade foi invadida e furtada. O sistema de câmeras foi danificado pelos invasores e dois ônibus da instituição foram danificados, além de terem sido furtados dois tacógrafos e quatro baterias.

Na ocasião, a associação informou que o valor estimado para reparo e reposição dos equipamentos danificados ficaria em torno de R$ 13,5 mil. Por isso, em vídeo divulgado, a equipe pedia por doações de qualquer valor por pix ou transferência bancária.

O presidente da Associação Renascer, Aparecido Pacheco, disse que tinha sido a quarta vez que a associação era invadida e que as capivaras no local acabam danificando o alambrado e o deixando ainda mais frágil.

A Associação Renascer foi criada em 1993 quando um grupo de pais de crianças com múltiplas deficiências de Rio Preto se reuniu para trazer à cidade o método de reabilitação do desenvolvimento humano pesquisado e implantado nos Estados Unidos, que já era utilizado aqui no Brasil, mas apenas por uma clínica especializada e particular no Rio de Janeiro.

Com a fundação da instituição, o objetivo era proporcionar o acesso a este método de pessoas com deficiências da cidade e região, que vinham de famílias desfavorecidas, sem condições socioeconômicas.
MAIS LIDAS
É vedada a transcrição de qualquer material parcial ou integral sem autorização prévia da direção
Entre em contato com a gente: (17) 99715-7260 | sugestão de reportagem e departamento comercial: regiaonoroeste@hotmail.com