Terça, 28 de Setembro de 2021

Espero que nunca mais se dirijam a mim, diz Evaristo sobre a CNN

14/09/2021 as 14:50 | Brasil | UOL
Evaristo Costa, apresentador e jornalista de 44 anos, voltou a comentar sua saída da CNN Brasil. No último dia 3, Evaristo anunciou seu desligamento e afirmou que ficou sabendo da demissão ao voltar das férias, assistindo o intervalo comercial da emissora.

Ao responder perguntas de internautas no story do Instagram, o jornalista negou que tenha recebido um pedido de desculpas ou uma retratação da CNN.

"Pela forma desrespeitosa com que me trataram? Não se retrataram e estão tentando justificativa para dizer que desvirtuei minha demissão. E, sinceramente, espero que nunca mais se dirijam a mim"

O apresentador ainda ranqueou sua indignação com a emissora: "Sendo 0 não indignado e 10 máximo de indignação, minha resposta é 10. Foi um prazer e um desprazer maior ainda".

O jornalista contou ter recebido mensagens de apoio de colegas apresentadores, repórteres e diretores da CNN, e voltou a criticar a postura da emissora em sua demissão:

"Poderiam alegar o que quisessem, é direito deles demitir. O que nenhuma empresa pode fazer com funcionários corretos é apunhalar pelas costas e de forma desrespeitosa. O que faz com um, faz com todos."

Evaristo contou que agora pretende se dedicar a um período sabático, afirmou já ter recebido três propostas de emprego, não descartou um retorno para TV Globo, dizendo que saiu da emissora carioca "com as portas abertas para voltar".

O jornalista ainda brincou sobre a possibilidade de assumir o "BBB 22", que continua sem apresentador após o anúncio de que Tiago Leifert vai deixar a TV Globo.

"Esperando a ligação do Boninho, ué! Pode ser para ser um confinado também (risos)."


MAIS LIDAS
É vedada a transcrição de qualquer material parcial ou integral sem autorização prévia da direção
Entre em contato com a gente: (17) 99715-7260 | sugestão de reportagem e departamento comercial: regiaonoroeste@hotmail.com