Terça, 13 de Abril de 2021

Secretário quer voluntários para tratar pacientes com Covid em SP

06/03/2021 as 00:00 | Estado de São Paulo | Folhapress
O secretário de estado da Saúde, Jean Gorinchteyn, pediu que profissionais da saúde, como médicos, enfermeiros e fisioterapeutas se voluntariem para trabalhar no cuidado de pacientes com Covid-19 em São Paulo.

"Estamos em guerra", disse Gorinchteyn, ao falar sobre a situação da pandemia no estado em coletiva na tarde desta sexta-feira (5), no Palácio dos Bandeirantes, no Morumbi (zona oeste de SP). Ele ainda pediu apoio às entidades e classe, como Cremesp (Conselho Regional de Medicina do Estado) e Coren (Coselho Regional de Enfermagem), para indicação esses voluntários.

Segundo o secretário, como equipes da linha de frente vão trabalhar como em uma "operação de guerra" em hospitais, colocando pacientes de extrema gravidade em UTIs e verificando quem pode ficar em outras áreas das unidades, recebendo oxigênio via catéter.

O secretário ainda afirmou que será aberto novos leitos, se necessário em corredores de hospitais, para que nenhum paciente fique sem assistência.

Segundo Doria, na segunda-feira (8) será anunciado um novo hospital de campanha na capital paulista que funcionará dentro de uma unidade hospitalar já existente.

Diante do avanço da pandemia, começa a vigorar à 0h deste sábado (6) a fase vermelha em todo o estado . Assim, somente serviços essenciais —como supermercados, padarias e farmácias, além de igrejas— estão autorizados a funcionar. A medida valerá até 19 de março.

A classificação mais restrita do Plano São Paulo foi adotada pelo governo Doria (PSDB) após um rápido aumento de casos e de internações por Covid-19. Nesta sexta, o estado somava 7.892 doentes em UTIs no estado.
MAIS LIDAS
É vedada a transcrição de qualquer material parcial ou integral sem autorização prévia da direção
Entre em contato com a gente: (17) 99715-7260 | sugestão de reportagem e departamento comercial: regiaonoroeste@hotmail.com