Sábado, 06 de Março de 2021

Caso Flordelis: filha admite ter pago para irmã matar pastor

23/01/2021 as 19:08 | Brasil | SBT Interior
Ré no processo onde investiga o assassinato do pastor Anderson do Carmo, Simone dos Santos Rodrigues, filha biológica da deputada Flordelis (PSD-RJ), confessou, em depoimento, ter dado R$ 5 mil para a irmã, Marzy Teixeira, matar o sacerdote.

À polícia, a jovem alega ter feito o pedido por desespero, por não aguentar mais ser assediada pelo líder religioso. A informação foi dada durante audiência no Fórum de Niterói, na região metropolitana do Rio de Janeiro, nesta sexta-feira (22).

Simone nega participação no crime, mas admite ter jogado três celulares ao mar: um do pastor, o da parlamentar e o do irmão Flávio. Os aparelhos eram peças fundamentais para a elucidação do crime.

Já Flordelis reafirmou que todos da família sabiam do plano para executar Anderson.

Sete filhos da política e uma neta estão presos. O inquérito concluiu que o pastor foi morto por questões financeiras e poder exercido sobre os familiares.

O caso

Anderson foi executado com mais de 30 tiros em junho de 2019 na porta de casa. O pastor chegou a ser socorrido a um hospital, mas não resistiu aos ferimentos.

Flordelis é apontada como a mandante do crime e não foi presa por ter foro privilegiado, mas não pode deixar o Brasil e só tem permissão para se locomover entre Niterói, onde mora, e a Câmara de Deputados, em Brasília.
É vedada a transcrição de qualquer material parcial ou integral sem autorização prévia da direção
Entre em contato com a gente: (17) 99715-7260 | sugestão de reportagem e departamento comercial: regiaonoroeste@hotmail.com