Sexta, 04 de Dezembro de 2020

Laudo aponta vários tipos de lixo no subsolo do Honório Amadeu

Foto: Meu Foco News
31/08/2020 as 07:02 | Jales | Da Redaçao
Uma empresa contratada pelos próprios moradores do Conjunto Habitacional Honório Amadeu, concluiu que foram encontrados no subsolo restos de matéria orgânica e resíduos de plástico, madeira, borracha e até tecido.

Os mutuários devem procurar a Justiça para reparos de danos causados em pelo menos 40 residências apresentaram infiltrações, água em tubos de fiação elétrica, pisos quebrados e até goteiras nos telhados. As suspeitas são de que as casas foram construídas sobre um terreno impróprio, onde antes funcionava um “lixão”.

A Câmara Municipal de Jales abriu a Comissão Especial de Inquérito (CEI) para investigar os problemas. Já em 18 de agosto, uma empresa de Marília/SP, especializada em sondagem de subsolo, foi contratada pelos moradores, a pedido de seus advogados, para colher amostras da "terra".

A empresa responsável pelas obras resolveu denunciar um possível esquema de corrupção na cidade de Jales.
MAIS LIDAS
É vedada a transcrição de qualquer material parcial ou integral sem autorização prévia da direção
Entre em contato com a gente: (17) 99715-7260 | sugestão de reportagem e departamento comercial: regiaonoroeste@hotmail.com