Terça, 14 de Julho de 2020

NBB: temporada 2020/2021 é prevista pra começar em 14 de novembro

27/06/2020 as 00:14 | Brasil | Agência Brasil
A temporada 2020/2021 do Novo Basquete Brasil (NBB), campeonato nacional masculino da modalidade, está prevista para começar em 14 de novembro. A lista final dos participantes será divulgada em 4 de setembro. Nove dias depois, a Liga Nacional de Basquete (LNB), organizadora do torneio, publicará a tabela completa.

As datas foram definidas em videoconferência do Conselho de Administração da liga. Segundo a nota oficial publicada no site da entidade, as medidas "levarão sempre em consideração o avanço do controle da pandemia [de covid-19] no Brasil e todos os protocolos de saúde determinados nesse período". O comunicado ainda diz que "a Equipe Multidisciplinar da LNB continua avaliando todos os possíveis cenários para o retorno do campeonato".

Os times decidiram que o prazo final para negociação do direito associativo das equipes termina em 14 de agosto. No dia 30 do mesmo mês, os clubes "precisarão oficializar suas participações no campeonato comprovando as documentações financeiras necessárias para a aprovação do Conselho, além da validação do Livro de Dívidas (referente à certidão de situação regular de valores contratuais dos atletas e comissão técnica da temporada anterior)", conforme a nota da liga.

A temporada 2019/2020 foi paralisada em 15 de março. Na semana seguinte à interrupção, a liga decidiu que o torneio, se retomado, reiniciaria direto no mata-mata. No fim de abril, foi apresentado aos clubes um protocolo de saúde para reinício dos jogos, que previa portões fechados, realização de testes e esquema especial para volta aos treinos. Como a crise do novo coronavírus não cessou, a competição foi dada como encerrada em 4 de maio.

Desafios
Em live na Fundação Getúlio Vargas (FGV), em 29 de maio, o chefe-executivo da LNB, Sérgio Domenici, considerou que a temporada 2020/2021 será "mais difícil do que foi o primeiro NBB [em 2008]. Tudo terá que ser repensado. Como estarão as companhias aéreas após a pandemia? Os clubes transportam 18 atletas por viagem. Uma equipe de Brasília (DF), de Fortaleza (CE) ou Pato Branco (PR) faz a maior parte da competição por via aérea. Como faremos a competição? Ela será regionalizada? Terá arbitragem local?", indagou, à ocasião.

Durante a paralisação da edição 2019/2020, mesmo classificado para o mata-mata, o Sendi Bauru anunciou que não teria condições de seguir no torneio, devido ao impacto financeiro da pandemia. Também garantido na fase final, o Pinheiros anunciou que não renovaria o contrato dos atletas após o término dos vínculos, em maio. O Corinthians, quando a temporada foi oficialmente cancelada, fez o mesmo.

Apesar de o próximo calendário ainda ser uma incógnita, alguns participantes se movimentam no mercado. Vice-campeão em 2018/2019, o Franca renovou a parceria com o Sesi, iniciada em 2017, por mais uma temporada. Na quarta-feira (24), o clube paulista confirmou a permanência da comissão liderada pelo técnico Helinho. Já a Unifacisa anunciou o ala/armador Betinho, ex-Pinheiros, como reforço.

Melhores do ano
Apesar de a temporada 2019/2020 não ter finalizado, a LNB confirmou para o dia 10 de julho, às 19h (de Brasília), a cerimônia de premiação dos melhores jogadores da edição, que será online, pelo facebook do NBB. Participaram da votação capitães, técnicos e assistentes dos 16 times do campeonato, além de jornalistas, personalidades e staff da liga.

São oito categorias: quinteto ideal do NBB (armador, alas e pivôs), Troféu Ary Vidal para o técnico do ano; Jogador com Maior Evolução, Destaque Jovem, Defensor do Ano; Melhor Sexto Homem; Estrangeiro do Ano e o King of the Season (Rei da Temporada). Os três indicados de cada prêmio serão divulgados pelas mídias sociais da LNB.
MAIS LIDAS
É vedada a transcrição de qualquer material parcial ou integral sem autorização prévia da direção
Entre em contato com a gente: (17) 99715-7260 | sugestão de reportagem e departamento comercial: regiaonoroeste@hotmail.com