Sábado, 11 de Julho de 2020

Provedor da Santa Casa e vereador são ameaçados de morte

29/05/2020 as 11:54 | Fernandópolis | Da Redaçao
O provedor da Santa Casa, Marcos Chaer, que figura como interventor judicial, e o vereador Murilo Jacob estão sendo ameaçados de morte. Em ligações telefônicas os dois são claramente ameaçados caso a “caixa preta” da Santa Casa seja totalmente abertas e nomes de figurões da cidade sejam expostos.

De acordo com o administrador judicial, há um áudio de uma pessoa "falando que vai acabar com a minha vida para encerrar com essa merda de intervenção que estão fazendo na Santa Casa". E ele acrescenta que ainda advertiram que iriam enterrá-lo, relata Chaer. Em outro áudio o locutor lembra que "disseram que iam plantar droga no carro do vereadorzinho e do provedor porque eles tão mexendo com gente grande, gente poderosa".

O vereador em questão seria Murilo Jacob, autor das denúncias que desencadearam a Operação Assepsia na Santa Casa de Fernandópolis, levando a prisão diversos envolvidos em crime de corrupção dentro da irmandade, incluindo, provedores, médicos, funcionários.

O atual provedor já providenciou um Boletim de Ocorrência na Polícia e também relatará os fatos à Justiça e ao Ministério Público Estadual, responsáveis pela intervenção. Quanto as ameaças, Chaer credita o fato de estar gerindo a instituição e descobrindo documentos que podem complicar a situação de administradores passados. "Estamos abrindo a famosa caixa preta da Santa Casa", afirmou.
MAIS LIDAS
É vedada a transcrição de qualquer material parcial ou integral sem autorização prévia da direção
Entre em contato com a gente: (17) 99715-7260 | sugestão de reportagem e departamento comercial: regiaonoroeste@hotmail.com