Terça, 19 de Novembro de 2019

Casal que fugiu com bebê adotado é obrigado a entregar criança

18/09/2019 as 13:57 | S. J. do Rio Preto | SBT Interior
Policiais do GOE (Grupo de Operações Especiais) da Polícia Civil localizaram, nesta terça-feira (18), um casal de empresários de Rio Preto que estavam "escondidos" com um bebê de 11 meses de vida, filha adotiva deles.

Depois de ser abandonada no lixo, em uma cidade do Maranhão, a criança virou alvo de uma batalha judicial de dois casais.

Na época, o médico que atendeu a criança no hospital e a mulher dele pediram à Justiça e receberam a guarda do bebê. Porém, esse casal, de Rio Preto, tinha preferência na fila nacional de adotação e ficou com o bebê.

Após recurso do casal maranhense, em uma reviravolta judicial, foi determinado que a menina voltasse para o Maranhão.

Inconformados com a possibilidade de perder a menina, os empresários rio-pretenses deixaram a cidade com destino ignorado.

O serviço de inteligência da Polícia Civil entrou em ação para encontrar o bebê. A criança foi localizada em São José dos Campos (SP) e levada para uma instituição de recolhimento provisório.

O casal foi ouvido pela polícia e liberado. A batalha judicial continua em andamento.
MAIS LIDAS
É vedada a transcrição de qualquer material parcial ou integral sem autorização prévia da direção
Entre em contato com a gente: (17) 99715-7260 | sugestão de reportagem e departamento comercial: regiaonoroeste@hotmail.com