Sábado, 14 de Dezembro de 2019

DIG prende irmãos e esclarece crime que terminou com GCM baleado

21/07/2019 as 08:02 | Araçatuba | Regional Press
A​ DIG (Delegacia de Investigações Gerais) esclareceu o crime que resultou em um GCM (Guarda Civil Municipal) baleado no interior de uma padaria na noite desta quinta-feira, na rua Bolívia, em Araçatuba. O caso foi uma tentativa de latrocínio (roubo seguido de morte) e dois irmãos já estão presos.

Um dos participantes foi detido no início da manhã por policiais militares e o outro no meio da tarde por policiais da DIG.

De acordo com o delegado Alessander Lopes Dias, da DIG, os irmãos Kaio Batista, 23 anos e Kevin Batista, 25, confessaram participação no crime. Eles afirmaram que foram até a padaria para cometer um assalto, e que o caso não foi um acerto de contas, como se chegou a cogitar devido às imagens de vídeo do sistema de segurança, que gravou parte da ação, mostrando o momento em que Kevin Batista atira contra o guarda Diego Oda, de 33 anos.

Ele, que já tem passagem por assalto, relatou em seu depoimento ao delegado que seu irmão dirigia o carro que o levou até a padaria. No local ele desceu e foi em direção ao caixa. Quando se aproximava, o GCM Diego Oda entrou em sua frente. Neste momento, segundo Kevin, ele se assustou, sacou a arma e atirou contra o guardar por não saber qual seria a reação dele. Em seguida correu para a rua entrou no carro onde seu irmão o esperava e ambos fugiram sem levar nada.

Após o assalto, policiais civis e militares conseguiram identificar o veículo utilizado na ação criminosa e os suspeitos. No início da manhã policiais militares detiveram Kaio Batista em sua casa, na rua Tancredo Neves, bairro Rosele.

Com base nas imagens divulgadas pela imprensa e também pelas redes sociais, chegou a informação anônima à DIG do local onde o acusado de ser o autor dos disparos estaria escondido, apontando para casa de um parente na rua José Cazerta, no Jardim TV. Policiais civis foram até o local cumprir um mandado de busca e localizaram Kevin no imóvel, sozinho, escondido embaixo de uma cama.

Os dois irmãos foram presos em flagrante, confessaram o crime e neste sábado, por volta das 8h, eles deixam a carceragem da Polícia Civil, onde vão passar a noite, passarão pelo IML e em seguida serão apresentados em audiência de custódia no fórum.
MAIS LIDAS
É vedada a transcrição de qualquer material parcial ou integral sem autorização prévia da direção
Entre em contato com a gente: (17) 99715-7260 | sugestão de reportagem e departamento comercial: regiaonoroeste@hotmail.com