Domingo, 20 de Outubro de 2019
Câmara ouve nesta terça-feira o jornalista Glenn Greenwald
25/06/2019 as 08:38 | Brasil | Da Redaçao
O jornalista Glenn Greenwald, editor fundador do site The Intercept Brasil, estará na Câmara dos Deputados nesta terça-feira (25).

Ele vai falar aos parlamentares membros da comissão de Direitos Humanos sobre as reportagens que seu portal vem publicando com supostas conversas dos celulares de procuradores e do ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro.

O debate foi proposto pelos deputados Camilo Capiberibe (PSB-AP), Carlos Veras (PT-PE), Marcio Jerry (PCdoB-MA) e Túlio Gadelha (PDT-PE). Na avaliação desses parlamentares, que fazem oposição ao governo de Jair Bolsonaro (PSL), as reportagens assinadas por Greenwald jogam dúvidas contundentes sobre a imparcialidade da atuação do então juiz Moro e de outros juízes e procuradores.

A ideia de convidar o jornalista responsável pelos vazamentos para falar no Congresso Nacional foi inicialmente de parlamentares do PSL, partido do presidente da República. Assim que eles viram que a oposição tinha gostado da ideia, porém, tentaram voltar atrás, mas já era tarde demais.

Greenwald também foi convidado para uma audiência no Senado Federal, no Conselho de Comunicação Social.

Além do jornalista, Moro havia sido convidado para prestar esclarecimentos na Câmara, mas desmarcou. Ele era aguardado na próxima quarta-feira (26) em uma sessão conjunta de três comissões para falar justamente sobre os vazamentos.

Segundo a assessoria do ministério, Moro tem compromissos nos Estados Unidos e não poderá comparecer. Uma nova data para o depoimento ainda será acertada entre os presidentes das comissões e o responsável pela agenda do ministro.
MAIS LIDAS
É vedada a transcrição de qualquer material parcial ou integral sem autorização prévia da direção
Entre em contato com a gente: (17) 99715-7260 | sugestão de reportagem e departamento comercial: regiaonoroeste@hotmail.com