Sexta, 03 de Abril de 2020

Câmara investigará vereador após cabeçada em advogado

19/02/2020 as 14:08 | Birigui | SBT Interior
A Câmara de Birigui instaurou, na sessão desta terça-feira (18), CP (Comissão Processante) para analisar denúncia formalizada contra o vereador Leandro Moreira (Republicanos), que agrediu o advogado Milton Walsinir de Lima, na semana passada, dentro da sede do Legislativo.

A agressão foi filmada por uma câmera de segurança da Casa.

Na denúncia, o advogado pede a cassação do mandato do vereador por quebra de decoro parlamentar. Para o advogado, ao agredi-lo, o vereador cometeu falta gravíssima, que o impossibilita de continuar exercendo o cargo de legislador da cidade.

O pedido de CP foi aprovado por 15 dos 17 vereadores. Felipe Barona Brito (Cidadania), presidente da Casa, não votou por questão regimental, além do vereador alvo da denúncia.

O CASO

A agressão aconteceu dia 12 de fevereiro, durante sessão que aprovou a redução no número de vereadores de 17 para 15 a partir de 2024.

O desentendimento entre os dois teria ocorrido por conta de uma suposta lista com nomes de vereadores da cidade que estariam sendo investigados pela polícia por possível fraude ligada a OSSs (Organizações Sociais de Saúde).

Uma imagem de uma câmera de segurança da Câmara de Birigui flagrou o momento da agressão.

Lê se aproxima do advogado, aponta o dedo no rosto do homem e em seguida dá uma cabeçada, que acerta o olho esquerdo da vítima. O advogado cai no chão e, já sangrando, é ajudado por outras pessoas.
MAIS LIDAS
É vedada a transcrição de qualquer material parcial ou integral sem autorização prévia da direção
Entre em contato com a gente: (17) 99715-7260 | sugestão de reportagem e departamento comercial: regiaonoroeste@hotmail.com